“CRAZY”

Mais um. Ontem consegui riscar mais um filme da lista dos que eu queria ver. Queria ir ao “Ano em que meus Pais…”, mas por uma questão de horário acabei assistindo “C.R.A.Z.Y.”, filme canadense dirigido e roteirizado por Jean-Marc Valée. O filme acompanha a trajetória de Zachary, o quarto de cinco irmãos de uma família de classe média. O pai é machista e exibido, gosta de dublar Charles Aznavour (1) nas festa da família. A mãe é católica fervorosa e mais ou menos insubmissa. Os irmãos crescem. E “CRAZY” vai junto, sacando diferenças, conflitos, angústias. Gente é igual em tudo que é lugar do umndo. “CRAZY” segue Zachary desde seu nascimento até os vinte e poucos, quando a história chega a sua conclusão. Zac é gay, e passa infância e adolescência sem querer isso. A questão central do roteiro, situado nos anos 60 e 70 é a maneira como Zac e sua família lidam com esse fato. De uma delicadeza extrema, mas nada simplório, o filme é bem observado, complexo, não tem personagens unidimensionais. Os diálogos são ótimos, e a trilha sonora, espetacular, embalada por Patsy Kline (2) , a cantora de fossa que gravou “Crazy”, e especialmente por Pink Floyd (3), David Bowie (4) e mais um monte de artistas incríveis de um dos períodos mais incríveis da música. É preciso prestar atenção também no elenco, na solidez das composições de Danielle Proulx, a mãe, de Michel Côté, o pai, e do afiado garoto Marc-André Grondin, que faz Zac dos 16 aos 20 e tantos. E não só neles. Até os atores encarregados de papéis menores atuam com um vigor e um poder de convicção incríveis. Poderia ser um filme delicioso, e pronto. Mas CRAZY é mais que isso, é um libelo poderoso a favor da diferença. OBRIGATÓRIO.

Escrito por Alberto Guzik às 17h21

(1) Charles Aznavour ( Paris, 1924). Cantor e ator francês, de origem armênia. Descoberto por Edith Piaf, continua em atividade.
http://www.charlesaznavour-lesite.fr/

(2) Patsy Kline ( 1932/1966). Cantora americana, grande sucesso da música country que fez a passagem para a música pop. Morreu aos 30 anos num acidente de avião, no auge da carreira. Vários filmes e documentários foram feitos sobre sua vida. Sissi Spacek e Jessica Lange a encarnaram em filmes digerentes.

(3) Pink Floyd. Grupo de rock inglês surgido nos anos 60.
http://www.pinkfloyd.com/

(4) David Bowie ( Londres, 1947) Músico e ator.
http://www.davidbowie.com/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode se interessar